quarta-feira, 1 de agosto de 2018

A ocultação de 2UCAC 20909885 por (9) Metis em 29 de agosto 2018

 Antônio Rosa Campos
arcampos_0911@yahoo.com.br
CEAMIG – REA/Brasil – AWB


Em de 29 de agosto próximo, o asteroide (9) Metis, ocultará a estrela 2UCAC 20909885 de magnitude 12.2 na constelação de Ophiuchus, proporcionando uma rara oportunidade da realização do registro deste tipo de fenômeno aos observadores localizados em sua região de abrangência (Figura 1) apresentada abaixo (PRESTON, 2017).



Regiões de Abrangência

Numa rápida análise da figura acima, podemos observar que o evento na fase noturna do dia, terá uma excelente visibilidade na América do Sul; este fato deixa o restante do globo numa posição desfavorável ao registro desta observação.

A figura 2 (Google, 2017) indica que o início da projeção da sombra, recairá sobre a região do oceano pacifico junto à costa do Chile e terminará no oceano atlântico junto à costa da África.



Uma vez na superfície deste continente, ela recairá sobre as seguintes regiões: Chile: Caldera, Chañaral, Copiapó, Cifuncho, Diego de Almagro, Potrerillos; norte da Argentina: Antofagasta de la Sierra, Cafayate, Concepción, Dos de Mayo, Eldorado, Puerto Esperanza, Puerto Iguazú, Puerto Yacuy, Formosa, Pampa del Indio, Roque Sáenz Peña, San Miguel de Tucuman e Trancas;  Paraguai: Caaguazú, Caazapá, Cidade do Leste, Coronel Oviedo, Hernandarias, Santa Rosa, San Juan Nepomuceno e Villarica; sul e sudeste do Brasil: Paraná: Araucária, Bituruna, Campo do Tenente, Campo Largo, Candói, Capanema, Carambeí, Cascavel, Castro, Chopinzinho, Clevelândia, Coronel Vivida, Curitiba, Céu Azul, Dois Vizinhos, Espigão Alto do Iguaçu, Fazenda Rio Grande, Foz do Iguaçu, Guaraniaçu, Guarapuava, Guaratuba, Imbituva, Inácio Martins, Ipiranga, Matelândia, Matinhos, Morretes, Palmas, Palmeira, Paulo Frontin, Pinhão, Pitanga, Planalto, Ponta Grossa, Porto Amazonas, Prudentópolis, Realeza, Rio Azul, Salgado Filho, Salto do Lontra, Sulina, União da Vitória, Vera Cruz do Oeste, Verê e Virmond; Santa Catarina: Abelardo Luz, Canoinhas, Garuva, Itaiópolis, Jaraguá do Sul, Joinville, Mafra, Maravilha, Quilombo, Rio Negrinho, São Francisco do Sul, São José do Cedro, São Lourenço do Oeste e São Miguel do Oeste; São Paulo: Apiaí, Guarujá, Juquiá, Mongaguá, Peruíbe, Serra e Registro.

(9) Metis e 2UCAC 20909885

No caso desta ocultação, a luz combinada do asteroide e da estrela cairá em 0.35 magnitude, chegando a 12.2 igualando a de (9) Metis num período de tempo estimado em 21.1 segundos; em sua ultima oposição ocorrida em 16 de junho de 2018, (9) Metis encontrava-se com uma magnitude visual estimada em 9.5 na constelação de Ophiuchus.

Astrônomos chineses afirmam ter fotografado um satélite de Metis girando em torno do asteroide com um período de 4,61 dias. A magnitude do satélite foi relatada ser mais fraca do que duas grandezas de Metis, e a separação angular foi de 1,2 segundos de arco, o que corresponde a 1100 km. Resultados semelhantes foram obtidos durante a ocultação de uma estrela secundária por astrônomos de Barquisimeto na Venezuela em 11 de dezembro de 1979. No entanto, os astrônomos americanos observaram Metis durante 1982 e 1983, quando na oposição do asteroide – a linha da Terra era perpendicular ao plano de rotação do satélite. Usando o Telescópio de Espelhos Múltiplos (Multiple Mirror Telescope) não encontraram nenhuma evidência de um satélite, mesmo sob excelentes condições de observação (SKY & TELESCOPE, 1981).


Muito pouco se sabe sobre 2UCAC 20909885 que embora se encontre na constelação de Ophiuchus, poderá ser facilmente localizadas se utilizarmos como referência a estrela: 36 Oph de magnitude 5.07, um sistema múltiplo de estrelas cujo componente principal tem classe e tipo espectral K0V; bem como o aglomerado globular NGC 6293 de magnitude visual 8.2 respectivamente, conforme carta de busca apresentado na figura 3. 

Suas coordenadas equatoriais (ascensão reta e declinação astrométricas da Missão Gaia (http://www.cosmos.esa.int/gaia)  são: 17 11 53.4049  Decl: -26 31 44.325 respectivamente.

Segundo o observador brasileiro Antonio Padilla Filho (REA/Brasil), o registro das ocultações por observadores não-profissionais não tem muitos adeptos no nosso país. O campo é fértil para a produção de dados precisos se forem utilizados equipamentos adequados, que hoje estão ao alcance de qualquer pessoa que tenha interesse e o mínimo de recursos (PADILLA FILHO, 2016).

Sites recomendados:

"Como observar"
"formulário de reporte"
(ocultações de estrelas por asteroides).

No Facebook:

“Ocultações Astronômicas”.

Este grupo destina-se à divulgação e discussão de eventos astronômicos na área de 'Ocultações'. Ocultações de estrelas e planetas pela Lua, ocultações de estrelas por asteroides e as técnicas empregadas para o registro destes eventos.

Boas Observações!

Referências:

MOURÃO, Ronaldo Rogério de Freitas. Dicionário Enciclopédico de Astronomia e Astronáutica. Rio e Janeiro: Ed. Nova Fronteira, 1987,  914P.

- CAMPOS, Antônio Rosa. Almanaque Astronômico Brasileiro 2018. Belo Horizonte: Ed. CEAMIG (Centro de Estudos Astronômicos de Minas Gerais), 2017. 136p. Disponível em: < https://goo.gl/kniuMW> Acesso em 02 Dez 2017.

- PADILLA FILHO, Antonio. Sky and Observers, A ocultação de TYC 5667-00417-1 por 236 Honoria. Disponível em: http://goo.gl/l7n3Z8, Acesso em 22 maio 2017.

- HERALD, Dave. Occult4 v4.1.0.27 (24 March. 2014) Uptade v4.2.0 available in: <http://www.lunar-occultations.com/occult4/occultupdate.zip> Acess in 21 Abr. 2017.

- PRESTON, Steve. (Steve's Asteroid Occultation Index Page) Availabe in: <http://www.asteroidoccultation.com/2018_08/0829_9_56262_Summary.txt> - Acess in: 25 June 2017.

- Google Maps/Google Earth; Path <Occultation of 2UCAC 20909885 by (9) Metis on 2018 Aug 29 > Feature: <20180829_56262.kmz> Acess in: 12 Feb. 2018.

- FERNIQUE, Pierre. Centre de Données astronomiques de Strasbourg [CDS]: Aladin Sky Atlas - Acess in:  28 June 2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A ocultação de Ain Al Rami (Nu1 Sgr) pela Lua em 22 de maio 2019.

Antônio Rosa Campos Em 22 de maio próximo a Lua -87% iluminada e uma elongação solar de 138°, ocultará a estrela Ain Al Rami (Nu1 Sgr) ...