domingo, 1 de julho de 2018

A ocultação de 2UCAC 24731009 por (52) Europa em 19 de julho 2018

Antônio Rosa Campos
arcampos_0911@yahoo.com.br
CEAMIG – REA/Brasil – AWB

Na madrugada de 19 de julho próximo, o asteroide (52) Europa, ocultará a estrela 2UCAC 24731009 de magnitude 11.9 na constelação de Sagittarius, proporcionando uma rara oportunidade da realização do registro deste tipo de fenômeno aos observadores localizados em sua região de abrangência (Figura 1) apresentada abaixo (PRESTON, 2017).


Regiões de Abrangência

Numa rápida análise da figura acima, podemos observar que o evento terá uma excelente visibilidade no continente africano, sendo que na América do Sul iniciar-se-á junto à costa do Brasil (Rio Grande do Sul e sul de Santa Catarina), visível também no extremo norte do Uruguai; na América austral, essa ocultação poderá ser observada até algum ponto entre as coordenadas: Latitude: -28º 52’  5" e Longitude: - 57º  0’  0" portanto, região nordeste da Argentina.

A figura 2 (Google, 2017) indica o início da projeção da sombra sobre a América do Sul e com seu término (já na fase diurna) sobre o oceano pacífico junto à costa do Chile; isso faz com que toda essa região torne-se favorável para as observações deste fenômeno.


Uma vez na superfície deste continente, ela recairá sobre as seguintes regiões: Brasil: (Rio Grande do Sul) Alegrete, Anta Gorda, Antônio Prado, Arroio dos Ratos, Barra do Ribeiro, Bom Princípio, Butiá, Cacequi, Cachoeira do Sul, Camaquã, Canguçu, Capão da Canoa, Carazinho, Caxias do Sul, Caçapava do Sul, Cerro Branco, Cerro Largo, Chapada, Charqueadas, Cidreira, Cruz Alta, Dois Irmãos, Dom Pedrito, Dona Francisca, Encantado, Entre Ijuís, Espumoso, Estrela, Estância Velha, Garibaldi, Ibirubá, Ijuí, Itaqui, Jaguari, Lajeado, Linha Formosa, Manoel Viana, Marau, Minas, Mostardas, Muliterno, Nova Bassano, Não-me-toque, Osório, Palmares do Sul, Palmeira das Missões, Panambi, Passo Fundo, Picada Café, Porto Alegre, Rosário do Sul, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santa Rosa, Santana do Livramento, Santiago, Santo Antônio da Patrulha, Santo Augusto, Santo Ângelo, Soledade, São Borja, São Gabriel, São Leopoldo, São Lourenço do Sul, São Luiz Gonzaga, São Marcos, São Sepé, São Vicente do Sul, Tapera, Tapes, Taquara, Tavares, Toropi, Torres, Três de Maio, Tupanciretã, Uruguaiana, Vacaria e Viamão; (Santa Catarina) Araranguá e Criciúma. Uruguai: Articas, Bella Unión, Tomás Gomensoro, Javier de Viana e Rivera. Como mencionado, nas regiões norte e nordeste da Argentina (próximo a localidade de La Cruz na província de Misiones); extremo sul do Paraguai e norte do Chile, essa ocultação estará ocorrendo na fase crepuscular vespertina.

(52) Europa e 2UCAC 24731009

No caso desta ocultação, a luz combinada do asteroide e da estrela cairá em 0.39 magnitude, num período de tempo estimado em 23.2 segundos; já na época de sua oposição, (52) Europa encontra-se com uma magnitude visual estimada em 11.0 na constelação de Sagittarius.

Em 12 de agosto de 2012, (52) Europa ocultou a estrela TYC 6223-00442-1, revelando ser essa um sistema binário de magnitudes 11,3 a componente primária e 12,4 respectivamente a componente secundária; já o asteroide (52) Europa tem um diâmetro médio de = 350 (± 5 km) Em 12 de agosto de 2012, (52) Europa ocultou a estrela TYC 6223-00442-1, revelando ser essa um sistema binário de magnitudes 11,3 a componente primária e 12,4 respectivamente a componente secundária; já o asteroide (52) Europa tem um diâmetro médio de = 350 (± 5 km) (GIACCHINI et al, 2012).

Muito pouco se sabe sobre 2UCAC 24731009 que embora se encontre na constelação de Sagittarius, poderá ser facilmente localizadas se utilizarmos como referências s estrela: 57 Sgr de magnitude 5.3, classe e tipo espectral  G5III, conforme carta de busca apresentado na figura 3.


Suas coordenadas equatoriais (ascensão reta e declinação astrométricas da Missão Gaia (http://www.cosmos.esa.int/gaia)  são: 19 56 27.5054  Decl: -18 36 54.852 respectivamente.

Segundo o observador brasileiro Antonio Padilla Filho (REA/Brasil), o registro das ocultações por observadores não-profissionais não tem muitos adeptos no nosso país. O campo é fértil para a produção de dados precisos se forem utilizados equipamentos adequados, que hoje estão ao alcance de qualquer pessoa que tenha interesse e o mínimo de recursos (PADILLA FILHO, 2016).

Sites recomendados:

"Como observar"
"formulário de reporte"
(ocultações de estrelas por asteroides).

No Facebook:

“Ocultações Astronômicas”.

Este grupo destina-se à divulgação e discussão de eventos astronômicos na área de 'Ocultações'. Ocultações de estrelas e planetas pela Lua, ocultações de estrelas por asteroides e as técnicas empregadas para o registro destes eventos.

Boas Observações!

Referências:

MOURÃO, Ronaldo Rogério de Freitas. Dicionário Enciclopédico de Astronomia e Astronáutica. Rio e Janeiro: Ed. Nova Fronteira, 1987, 914P.

- CAMPOS, Antônio Rosa. Almanaque Astronômico Brasileiro 2018. Belo Horizonte: Ed. CEAMIG (Centro de Estudos Astronômicos de Minas Gerais), 2017. 136p. Disponível em: < https://goo.gl/kniuMW> Acesso em 02 Dez 2017.

- PADILLA FILHO, Antonio. Sky and Observers, A ocultação de TYC 5667-00417-1 por 236 Honoria. Disponível em: http://goo.gl/l7n3Z8, Acesso em 22 maio 2017.

- HERALD, Dave. Occult4 v4.1.0.27 (24 March. 2014) Uptade v4.2.0 available in: <http://www.lunar-occultations.com/occult4/occultupdate.zip> Acess in 21 Abr. 2017.

- GIACCHINI, Breno Loureiro. Descoberta da duplicidade de TYC 6223-00442-1 durante uma ocultação por (52) Europa. Belo Horizonte: Ed. REA-Brasil. 2013. Disponível em: <http://www.rea-brasil.org/ocultacoes/noticias.htm> - Acesso em 08 set. 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A oposição de Urano em 24 de outubro 2018

Antônio Rosa Campos arcampos_0911@yahoo.com.br CEAMIG – REA/Brasil – AWB - Aquela não está no mapa! Creio que assim tenha ocorri...